Formação continuada

Formação continuada: estudo de concepções

Descrição: A presente pesquisa busca analisar as concepções de formação continuada implantada como política pública a partir da constituição em 2003 da rede Formação Continuada de Professores. De forma teórica, aborda-se diferentes concepções de formação continuada de professores, de modo a entender seu aspecto formal e outras possibilidades não-formais. Como proposta metodológica trabalha-se com diferentes sub-projetos estudando os programas e projetos de formação continuada vinculados a rede.


Pesquisas desenvolvidas e publicadas:


2009


Título: Professores com formação stricto sensu e o desenvolvimento da pesquisa

Autoras: Kátia Curado e Ivone Garcia Barbosa

Tipo: artigo (2009)


2010


Título: Profissionalização docente: aspectos do tornar-se professor com formação stricto sensu na educação básica

Autora: Kátia Curado

Tipo: artigo (2010)


2011


Título: Pós-graduando stricto sensu na educação básica: resistência e desistência

Autora: Kátia Curado

Tipo: artigo (2011)


2013


Título: Os sentidos e significados da formação stricto sensu no trabalho docente da educação básica

Autora: Dayse Kelly Barreiros

Tipo: Dissertação (2013)


2016


Título: Formação continuada de professores alfabetizadores no pacto nacional pela alfabetização na idade certa

Autora: Viviane Carrijo

Tipo: dissertação (2016)


Título: Sentidos da formação continuada para o docente: o pacto nacional pelo fortalecimento do ensino médio/PNEM

Autora: Alessandra Batista de Oliveira

Tipo: dissertação (2016)


2017


Título: A importância da coordenação pedagógica como espaço de reflexão e transformação das práticas pedagógicas nas escolas públicas do distrito federal

Autora: Danyela Martins Medeiros

Tipo: dissertação (2017)


Pesquisas em andamento:


Título: A formação stricto sensu como política de formação continuada

Autora: Dayse Kelly Barreiros de Oliveira

Tipo: tese (em andamento)

 

Anúncios